sábado, 31 de outubro de 2015

Planje sua carreira como planeja suas férias



Se nos organizamos para viajar, por que não fazemos o mesmo com a nossa carreira? 

Veja que interessante as dicas de Christine Yokoi sobre o assunto:


“Planejar a sua carreira é como planejar as suas férias”, disse Christine Yokoi, diretora de produtos para gerência de capital humano, ontem (28), no Human Capital Management Central, da Oracle OpenWorld em San Francisco, na Califórnia.

Ela usou a analogia de “jornada” para falar do desenvolvimento de carreira. “Quando você pensa em desenvolvimento de carreira, precisa pensar em uma série de coisas pensadas”. Veja cinco passos, segundo a Christine, para planejar a sua carreira (e as suas férias).

1º passo: para onde eu quero ir?

O primeiro passo das férias, assim como o primeiro passo do planejamento de carreira, é estabelecer uma meta: aonde você quer chegar? Quer ir passar as férias na praia ou no campo? O mesmo questionamento serve para a sua carreira. 

Você deve ser perguntar se: quer ser gestor ou técnico? Quer mudar de área ou continuar naquela em que você está? Onde seria um bom lugar para ir? Quais são as oportunidades de carreira que existem?

2º passo: como eu chego lá?

Para qualquer viagem, existem várias formas de transporte. Uns são mais rápidos e diretos, mas há outros caminhos que podem levar mais tempo, mas serão mais interessantes. “Quando eu penso na minha carreira e onde eu quero chegar, tenho que pensar qual caminho eu tenho que tomar para chegar nesse destino”, diz Christine. 


Você deve se perguntar se: na empresa aonde esta, há espaço para você chegar onde deseja? O caminho será rápido? Ou, mesmo sabendo que haverá um longo caminho pela frente, você acha que chegará lá e não está com tanta pressa?

3º passo: o que devo levar?

Quando você vai em uma viagem, tem que pensar quais são as coisas que podem te ajudar nessa viagem, que você deve levar na mala. Se for acampar, por exemplo, é bom ter uma lanterna ou um canivete. Se for para a praia, não pode esquecer o protetor solar. “Você não quer ter que levar coisas demais na sua bagagem, para carregar um peso desnecessários, mas também não quer que falte nada”, afirmar Christine. Na sua carreira, você tem que pensar quais são as habilidades e conhecimentos que precisa levar com você para chegar ao seu destino final. 


Você deve se perguntar se: tem todo o conhecimento que precisa para chegar onde quer? O que falta melhorar? Quais habilidades podem ser melhor desenvolvidas e como voce pode fazer isso?

4º passo: pegar dicas com quem foi para lá 

Quando você está planejando uma viagem para um lugar para o qual nunca foi, você pergunta para seus amigos e familiares que já foram para lá, procura reviews em sites de viagens e compra livros que falam sobre o destino para encontrar dicas e orientações. Na carreira, funciona do mesmo jeito. “É sempre muito produtivo conversar com pessoas que chegaram aonde você quer chegar, ler sobre a trajetória de carreira dessas pessoas e procurar livros e dicas de especialistas”, afimar Christine. 

Você deve se perguntar: quem pode ajudar você a ter uma trajetória mais assertiva e tranquila? Quem pode ensinar o caminho das pedras?

5º passo: traçar o mapa até o destino

Se você já tem o destino final, a forma como chegará lá, já fez as malas e pegou as dicas com quem esteve lá, é a hora de fazer o seu mapa de carreira. “É importante ter um mapa de carreira desenhado, para que você o cheque de vez em quando e tenha certeza que está no caminho certo”, diz Christine. 

Você deve se perguntar se: tem todas as outras etapas do processo de planejamento de carreira cumpridas? sabe aonde exatamente quer chegar ou deixa que a empresa seja a única responsável pela gestão da sua carreira?


Nenhum comentário:

Postar um comentário