sexta-feira, 3 de julho de 2015

11 cargos mais difíceis de se recolocar no mercado



A empresa de consultoria Page Personnel, uma das maiores empresas globais de recrutamento especializado de profissionais técnicos e de suporte à gestão, mapeou 11 cargos com o tempo de recolocação mais demorado. O tempo de espera pode chegar a um ano.


“Vagas congeladas ou fechadas, processos de contratação mais longos e mais profissionais disponíveis no mercado. Esse cenário está impactando diretamente nas ofertas de trabalho neste ano. Como há mais pessoas à procura de emprego e menos vagas abertas, o tempo de recolocação se tornou maior. São casos onde a espera pode levar de seis meses a um ano. Isto não acontecia desde 2009”, explica Ricardo Ribas, gerente executivo da Page Personnel. 

Veja na lista abaixo as 11 profissões que têm os prazos médios de recolocação mais longos, segundo o levantamento da empresa de consultoria.


Profissão
Salário
Tempo de recolo-cação
Motivo
Supervisor de obra
R$ 7.000 a R$ 15.000
6 meses a 1 ano
O setor imobiliário passa por um momento de diminuição de novos lançamentos e existe grande volume de obras já lançadas e alta taxa de vacância
Engenheiro de Projetos Industriais

R$ 8.000 a R$ 11.000
6 meses
A indústria passa por uma queda acentuada de investimentos em bens de capital e ampliações em função do recuo das atividades de produção
Profissional de Comércio Exterior

R$3.000 a R$6.000
6 meses a 1 ano
Indústria nacional com baixa demanda de produção e redução de linhas
Analista Sênior e Coordenador Administrativo Financeiro (Finanças)

R$ 6.000 a R$ 8.000
6 meses
Esse profissional é um braço de confiança de pequenas e médias empresas; por isso, a escolha pode demorar mais ou vir através de uma indicação pessoal
Analista Contábil Pleno
R$ 3.500 a R$ 5.000
6 meses
A falta de boa qualificação e um segundo idioma dificulta a recolocação desse profissional
Gerente de Vendas

R$ 7.000 a R$ 12.000
6 meses
Estruturas hierárquicas com menos posições gerenciais
Analista e Coordenador de Marketing

R$ 4.000 a R$ 8.000

Marketing é sempre uma área afetada no momento de retração de mercado e a área de comunicação está mais comprometida
Secretária Executiva

R$ 6.000
6 meses
Secretárias acumularam funções de outras, passando a assessorar de 2 a 3 executivos
Analista de suporte de TI
R$ 3.000 a R$ 4.500
5 meses
A grande maioria das empresas tem buscado profissionais com espanhol e inglês fluentes, o que dificulta para profissionais sem um segundo idioma
Gestor de TI

R$ 7.500 a R$ 10.000
6 meses
Como são profissionais com a remuneração mais elevada e de perfil mais estratégico, as empresas demoram mais na contratação desses profissionais
Analista de Recrutamento e Seleção

R$ 3.000 a R$ 5.000
6 meses
A área de recrutamento é diretamente afetada pela redução do número de contratações no mercado

FONTE: http://www.professornews.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=7694

Nenhum comentário:

Postar um comentário